Acho que assim como eu, muitas pessoas tem o desejo de avistar golfinhos bem de perto. Mas você sabia que é possível avistar golfinhos no estado de São Paulo?

Na Ilha do Cardoso, na praia do Pereirinha os animais chegam bem próximo da margem.

Biólogos da região estimam que existam cerca de 1000 golfinhos vivendo nesse trecho da ilha.

Vale mencionar também, que na ponta da Ilha Comprida que faz a divisa com a Ilha do Cardoso, também é um ótimo local para o avistamento de golfinhos, inclusive a ponta da ilha é chamada de baía dos golfinhos.

Mas nada se compara à Praia do Pereirinha, que é realmente o melhor local para avistamentos bem de perto.

Esta é uma região muito bem preservada e repleta de peixes, então os golfinhos acabaram ficando de forma permanente nesse braço de mar.

É bem comum poder avistar golfinhos fêmeas com seus filhotes também, que são as coisas mais fofas!

Algumas fotos

Como chegar à Ilha do Cardoso?

Para se chegar à Ilha do Cardoso, é bem fácil! Basta ir para Cananéia e estando lá, vá para o Pier que é de onde saem as embarcações em direção à ilha.

Mapa

É possível fazer passeios para ficar na ilha durante o dia todo ou apenas para o avistamento de golfinhos.

Os pilotos costumam cobrar o valor de R$ 40 por pessoa para fazer esse passeio.

A praia do Pereirinha possui alguns quiosques de moradores com comidas e bebidas.

Lá também é possível realizar passeios monitorados para conhecer o manguezal e o museu da Ilha.

Para esse passeio, cobra-se uma taxa de R$ 10 por pessoa, mas vale a pena!

O passeio inclui informações da fauna e flora local, bem como sobre o modo de vida pré-histórico que havia na ilha antes da chegada dos portugueses.

Inclusive ainda há reserva indígena em outro trecho da Ilha do Cardoso, chamada de Terra Indígena Pakurity. 
Caso tenha curiosidade, clique aqui para ver no mapa.

Sobre o passeio ecológico, seguem algumas fotos

No nosso caso, Rosana e eu fomos até a ilha do Cardoso para ficarmos acampados, pois além dos golfinhos e a visita ao museu, queríamos também fazer uma caminhada para observar a fauna e ir até o marco do Tratado das Tordesilhas.

O percurso tem cerca de 6,5 km de ida.

Para essa caminha, precisamos pedir autorização para monitores do Parque Estadual da Ilha do Cardoso.

Para ter essa autorização, basta formalizar o pedido com os monitores na própria ilha e estarem precavidos sobre os horários de maré alta, para evitar ficar ilhado(a) em algum lugar.

No nosso caso, já estávamos cientes das boas condições da maré e também por demonstrarmos já ter experiências com trilhas e também preocupação com meio ambiente, foi uma liberação bem tranquila.

Então fica a #dica:

Instale o app da Tábua das Marés em seu celular ou consulte o site: https://tabuademares.com/br/so-paulo/cananeia.

No site procure pelo gráfico dos horários de altura das marés, como no exemplo abaixo e fique atento!

Algumas fotos

Assista ao vídeo dessa viagem

Caso queira ver mais fotos dessa viagem, acesse nosso álbum no Flickr!

É isso! Espero que tenham gostado! 😀

Qualquer dúvida, deixem nos comentários!


Avatar

Rodrigo Hortenciano

Designer gráfico, com MBA em Marketing, atuando atualmente com como analista de mídias sociais. Sempre que possível gosto de fazer uma trilha, acampar, ou viajar para algum lugar longe da muvuca e geralmente gastando bem pouco ;)

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *